sexta-feira, abril 02, 2004

Pilantrosamente VIVO

Fico indignado, o slogan de que a VIVO é maior operadora de telefonia móvel do Brasil soa como uma "mentira de lorota boa". O mapa de cobertura indo do Extremo Sul ao Extremo Norte do Brasil (com exeção de Minas e o leste do Nordeste) deveria pelo menos permitir que o meu celularzinho de cartão da marca LG, funcionasse sem parar durante essa minha última viajem pra capital paulista.

Mas foi só cruzar a fronteira do Rio-Sampa que o meu celular se calou, emudeceu, se tornando um bom relógio, mas celular que é bom, nada. Minha anfitriã de São Paulo, Renata Barbosa quase casada com um candango, me informou que basta colocar 100,00 pratas que a Vivo funciona que é uma beleza, inclusive de cartão. Uma outra solução possivel era habilitar com um novo número (011) de Sampa por 20,00 pratas. Fala sério né?

Definitivamente achei um absurdo, e acredito que isso deixa qualquer usuário a pensar num celular que não tenha fronteira (Tim, Oi ou a Claro mesmo). Francamente, acho que está faltando, falhando o. Olho Vivo, Olho Vivo.

Me cabe agora visitar Leonardo Zanelli em Aracajú pra verificar se o meu Vivo-Morto vai funcionar.

* * *

Por falar em Aracajú, Ontem descobri com o meu irmão o Blog do nosso irmãozinho de coração, Leonardo Zanelli com o seu araCAJÚ News. saudades do Bacuri né? que de famoso ta até saindo nas colunas sociais. Valeu Léo... Saudações Rubro Negras em terras nordestinas. Esses lugares maravilhosos bem embaixo do Equador. Sucesso e força Leo, nessa babilonia que é o Sergipe e o Alagoas. Inda passo por aí... Ok?
Postar um comentário