segunda-feira, fevereiro 10, 2003

G.R.E.S. UNIDOS DO ANIL



Ontem, no ensaio da Unidos do Anil, (escola que sou ritimista da bateria) consegui a letra do samba campeão. A decisão ocorreu na semana retrasada, e meu padim Chipoco não venceu a disputa, ficando com o segundo lugar. A colocação lhe rendeu um trofeu vistoso.

Pois então, em primeira mão na Internet, coloco na íntegra o Samba Enredo 2003 da Unidos do Anil. A escola irá desfilar na Avenida Rio Branco - Centro do Rio de Janeiro. (historicamente, era lá que ocorriam os primeiros desfiles do carnaval)

Presidente: Manoel Ribeiro da Silva
Enredo: "A necessidade é a mãe da criatividade, e quem não tem cão caça com gato"
Carnavalescos: Nerimar Monteiro & Felipe Dias
Autores do Samba: Valtinho Danil, Dé, Zeca do Lins, Valdo e Junior FM
Intérprete: Branco
Mestre de Bateria: Paulão

Vem de lá, vem da Idade da Pedra
O homem dando um jeito de sobreviver
Tirou a pele do tigre Dentre de Sabre
E fez o manto pra se proteger
Usando a imaginação
Com gravetos fez o fogo
Criou as armas, inventou a roda.
Tão necessárias para a sua evolução

Para imitar os pássaros
Na Grécia Antiga, Ícaro tentou voar
Mas foi lá em Paris que voou o 14 Bis
Um grande passo para a lua alcançar

Sacode bateria pra aquecer meu coração
Se veste de Astro-Rei embalando o folião

Bebe de proveta, inseminação
Paciência que a ciência tem a solução
A fome dá no rico e dá no pobre
Quem tem dinheiro pode comer bem
E quem não tem usa o jeitinho brasileiro
Bate palmas pro Betinho, não precisa mendigar

A saúde tá falida, deixa a desejar
O povo usa a medicina popular
O remédio custa caro, de vergonha eu tô legal
Só a boa garrafada pra curar o mal
Não importa quanto custa
Sou criança e vou brincar
Se não tenho importado
De sucata vou criar

Bloco de sujo, carnaval, loura gelada
Com dinheiro ou sem dinheiro tô ligado, tô a mil
De azul e branco no desfile do Anil
Postar um comentário