sábado, agosto 05, 2006

Campeonato Brasileiro - 2006


Não resisti, réu confesso, assim que soube que neste fim de semana que a promoção da Nestlé, de doação de uma farinha lactea por ingressos seria do Flamengo X Goiás, não resisti.

Passei no Supermercado Mundial da Freguesia e comprei meu ingresso de arquibancada. Estarei no jogo do Mengão, na estréia e retorno de Sávio ao clube. Emoções fortes estarão presentes a partir das 18:10 da tarde deste sábado. O jogo marca a arrancada do Flamengo pra sair da zona de rebaixamento.

Algumas informações que o blog Flamengonet têm, sobre essa peleja.

Flamengo X Goiás


Jogos: 28 (14 no RJ, 14 em GO)

Vitórias: 9 (6 no RJ, 3 em GO)

Empates: 14 (7 no RJ, 7 em GO)

Derrotas: 5 (1 no RJ, 4 em GO)

V = 32%

E = 50%

D = 18%


Gols Marcados: 40 (23 no RJ, 17 em GO)

Gols Sofridos: 29 (12 no RJ, 17 em GO)


Maior período sem perder: 6 jogos (1975 a 1986, 1992 a 2000)

Maior período sem ganhar: 6 jogos (1986 a 1991)

Maior vitória: 4x0 (1986 e 2004)

Pior derrota: 1x5 (1991)

Resultados mais comuns: 0x0 e 1x1 (5 vezes)

Jogadores com mais gols: Zinho e Romário (4 gols).

Primeiro jogo:

29/8/1973 Goiás 1x0 Flamengo
Time: Renato, Moreira, Chiquinho, Reyes e Rodrigues Neto; Liminha e Zico; Rogério, Sérgio, Dario e Arílson.


Último jogo:

27/11/2005 Flamengo 0x0 Goiás
Time: Diego, Leonardo Moura, Renato Silva, Fernando e André Santos; Jônatas, Júnior, Renato e Souza (Fabiano); Josafá (Obina) e Ramírez.


Duas vitórias marcantes:

1/11/1986 Goiás 0x4 Flamengo

Time: Zé Carlos, Aílton, Leandro, Aldair e Jorginho; Andrade, Sócrates (Marquinho) e Júlio César Barbosa (Vinícius); Bebeto, Kita e Zinho.

Gols: Kita(2), Sócrates e Kita.

Nesta partida aplicamos nossa maior goleada sobre eles, em pleno Serra Dourada. Talvez tenha sido a melhor atuação de Sócrates com a camisa rubro-negra. Como outras curiosidades, vemos Jorginho improvisado na lateral-esquerda. O Flamengo perdera o ótimo e promissor lateral-esquerdo Adalberto, vítima de uma entrada criminosa num amistoso contra o Botafogo da Paraíba. A partir daí, uma série de experiências foram feitas, improvisando o Aldair, lançando o Júnior Malhado e o reserva Aírton (ex-São Paulo e Vasco). E Zinho já estava presente.


24/5/1992 Flamengo 3x1 Goiás
Time: Gilmar, Charles, Gottardo, Júnior Baiano e Piá; Marquinhos, Júnior, Zinho e Nélio (Fabinho); Paulo Nunes (Júlio César Garcias) e Gaúcho.
Gols: Paulo Nunes e Gaúcho (2).

Esta vitória consolidou as chances do Flamengo se classificar para a fase semifinal no Campeonato de 1992. O time começou muito bem, chegando à liderança, passou por uma fase tenebrosa, ficando quase um mês sem vencer, com inúmeros problemas de contusões, mas conseguiu uma recuperação quase milagrosas e arrancou rumo a mais um título. Naquela época ainda podíamos dizer "se deixar chegar,"
Postar um comentário