quarta-feira, dezembro 07, 2005

Stresstórax

Foi tudo inexperado, primeiro a dor nas costas, pescoço duro, tensionado em cinco partes... no 268, uma senhora presta atenção em minhas teorias sobre dor e inflamação com minha mãe. Ao fim da conversa, desligo meu celular e recebo uma pergunta direta:

- Meu filho, você é evangélico? - minha resposta, meio assustada foi negativa! - Então tome isso pra você! Tem uma oração no verso

Era a imagem milagrosa de Santa Catarina Labouré. Confesso ser um desconhecedor do universo dos santos e santas canonizados pela Igreja, mas percebi que há uma relação intima com os enfermos, moribundos para proteção em vida e morte. É tem coisas que são inacreditáveis, aceitei com todo o respeito e segui minha viagem pra casa, certo de que estaria protegido.

* * *


Fim do dia, acabei indo parar num massagista de Shiatsu e no meu clínico geral, remédios, remédios, remédios...

Creio que meu clíncio é um expert. Expert em falir-me, já que os remédios andam os olhos da cara. Passei a tarde/noite em dor. Mas só pensava e recitando em minha mente Bandeira.

Pneumotórax


Febre, hemoptise, dispnéia e suores noturnos.
A vida inteira que podia ter sido e que não foi.
Tosse, tosse, tosse.

Mandou chamar o médico:
— Diga trinta e três.
— Trinta e três . . . trinta e três . . . trinta e três . . .
— Respire.

................................................................

— O senhor tem uma escavação no pulmão esquerdo e o pulmão direito infiltrado.
— Então, doutor, não é possível tentar o pneumotórax?
— Não. A única coisa a fazer é tocar um tango argentino.


Minha duvida é global, a medicina ira conseguir resolver e criar o método de Stressotórax??
Postar um comentário