quarta-feira, abril 06, 2005



Folheando o livro Anotologia de Poemas Cariocas - Organizado por Thereza Roque da Motta da Editora Ibis Libris, em que foi publicado pela primeira vez, dois poemas meus, acabei relendo o exelente poeta Pedro Tostes que neste livro publicou numa folha seu Pot Pourri que vale a pena ser lido e relido:

Ontem a morte me visitou
Pra ver se dessa vez me levava,
Mas eu, simplista que sou,
Mandei dizer que não estava.

* * *

Está vendo aquela pedra?
Ela já foi montanha.

* * *

No fundo, no fundo
Mas no fundo mesmo
Você acaba encontrando petróleo.

* * *

Hai
Cai
Eu não

* * *

Mosquitos
Os quito
Agora


Pedro Tostes:
É poeta, tem 24 anos, cursou Comunicação Social na ECO-UFRJ. Já particpou de outra coletânea - Poetas do Jardim e de diversos eventos organizados pelo grupo Poesia Simplesmente. Frequenta o Ponte de Versos.
Postar um comentário