domingo, dezembro 15, 2002

Conversa de Botequim



Não existe espaço mais democrático e polêmico que a mesa de um botequim.

É quase obrigatório, nestes templos de múltiplos parlatórios e profusões proféticas botequinais, as discussões superficiais são uma constante. Existem, quase que sempre, um roteiro, tipo um script a ser seguido pelos debatedores. (Sexo, política e futebol) esses elelemntos combinados rendem noites, argumentos, brigas, choros, etc... (dependendo é claro do grau etílico de cada um)

Sozinho na mesa do bar Beija Flor do Maracanã, aguardando meus confrades para tomar copos e copos de cerveja, senta na mesa vizinha um casal. Ele com aquela pinta de playboy e ela fazia o tipo estudante universitária de história.

Não me contive em observar e ouvir com bastante atenção a conversa que se desenrolava francamente (creio estar ficando perito em ouvir a conversa dos outros, em função de ter passado tanto tempo vivendo sozinho em Olinda)

Voltando a nossa conversa, ou melhor, na conversa do casal, o assunto em questão era, pra variar, Futebol. Os dois torcedores do Fluminense lamentavam os lances e jogadas perdidas, avaliando a dificuldade e a chance desperdiçada do tricolor do Rio disputar a Libertadores da América no fatídico jogo do Corinhtianhs. Tudo muito bom, tudo muito bem, mas de repente começo a ouvir as barbaridades:

- O Fluminense quase que consegue, afinal há cinco anos somos superiores a todos os outros cariocas.
- É verdade, é campeonato brasileiro, estadual, o Fluminense é o melhor de todos. Mas no ano que vem comemoraremos o centenário.

Ahhhhhhhh, minha vontade foi de entrar veementemente na conversa, mas me contive, faço aqui na Babilônia.
Como? Como que o Fluminense é superior.
O Flamengo e Vasco até o ano passado tiveram supremacia nas finais do Campenoato Estadual do Rio de Janeiro. Incluindo aí o tricampeonato do Flamengo (99-00-01)
O Flamengo foi campeão da Mercosul em 99 e o Vasco em 2000
O Flamengo foi campeão da Copa dos Campeões em 2000 e no mesmo ano o Vasco campeão Brasileiro.

O Fluminense foi sugado da segunda divisão para a primeira, ganhou apenas o Campeonato Brasileiro da terceira divisão em 2000 e em 2002 o Caixão (referencia do campeonato carioca e ao presidente da FERJ, Caixa D,Agua)
fez uma campanha razoável, estando na zona de rebaixamento, diferentes de outros times.
Nada de contar vantagem, o futebol do Rio é irregular.
E saudações cariocas pra todos.
Uma pergunta que não se faz calar: Ano que vem? Centenário de novo?
Postar um comentário